---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?

Formação Cultural

Publicado em 13/02/2014 às 14:37 - Atualizado em 12/05/2014 às 13:15


Créditos: Blog Retratos de Santa cecília Baixar Imagem

A formação da região serrana de Santa Catarina desenvolveu-se muito lentamente a partir do século XVIII, como rota de tropeiros que partiam do Rio Grande do Sul em direção à São Paulo, e vice- versa, que aqui se estabeleciam.
Mais tarde já nas primeiras décadas do século XIX, grupos chegados da Guerra dos Farrapos ou Revolução Farroupilha, juntaram-se aos habitantes da região, assim o gaúcho, e o paulista, misturaram-se aos índios da região dando origem ao cabloco, de pele avermelhada, com traços misturados de índio e de branco, e com o sotaque e os costumes do gaúcho do paulista, ou seja, o serrano típico.
Os primeiros sinais da formação do povoado de “Nossa Senhora da Conceição” (atual Curitibanos), de onde proveio a localidade “Corisco” (atual Santa Cecília), remetem a chegada dos Farroupilhas nesta região, por volta de 1839, republicanos Farroupilhas e as forças Imperiais.
Com isso muitos gaúchos remanescentes dos farrapos permaneceram nesta região, juntamente com paulistas e outros gaúchos tropeiros de gado, que mesclaram-se com os índios da região, o que deu origem aos cablocos e as primeiras povoações concentradas.
No século XIX, a chegada dos europeus e a sua mistura com os cablocos da região deram origem a uma sociedade baseada no latifúndio, no apadrinhamento e na violência, donde também denota-se todo o costume do fazendeiro gaúcho que influenciou a influencia na cultura da região até os dias atuais.

Fonte:http://retratosdesantacecilia.blogspot.com.br/2008/06/formao-cultural.html